quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Momento

Recomeçar
Pai,Tá difícil manter o caminho
Tenho andado em meio a espinhos
Nem sempre é tão fácil acertar
Pai,Emoções descalçam os meus pés
Me roubando em meio a cordéis
Me enlaçam em minhas fraquezas
Pai,Eu nem sei o que te falar
Mas, eu quero recomeçar
Me ajuda neste instante
Preciso da tua mão
Vem me levantar
Faz-me teu servo Senhor
Me livra do mal
Quero sentir o teu sangue curar-me
Agora meu Senhor
Vem restaurar-me





"Existem momentos em nossas vidas que as palavras já não saem como antes, as lágrimas já se esgotaram, tudo já se esgotou... exceto a esperança, a vontade de continuar mesmo com todas as dificuldades e espinhos. Não sabemos ao certo o porquê continuar, mas algo nos mostra que o caminho é esse, a vitória não é certa, mas o final será compensador.

Sabemos que nossas vidas são feitas de fases que passam, mas precisamos passar por todas elas, e extrair tudo, para que na próxima não patinarmos nos mesmo erros."



(Existem músicas que descrevem nossos momentos, quando já não temos mais vontade de falar... Músicas que tocam a alma, que aliviam a dor e nos dá esperança...)





Beijos,

Lauren

domingo, 2 de agosto de 2009

Adiar


Olá, meus caros...

Estive pensando essa semana no meu trabalho a capacidade que temos de 'adiar nossa felicidade perfeita' e de sempre relacionarmos a ela uma realização futura.
Por exemplo; Quando crianças costumamos dizer que felizes são os adolescentes que podem sair e voltar tarde para casa.
Quando adolescentes, queremos independência, o chamado ' ser donos do nosso próprio nariz'.
Depois de passarmos por todas essas etapas da vida, ainda falta muito para a felicidade perfeita?!?!
Pois é, falta a faculdade, o trabalho, a estabilidade financeira... Ufa!!! Agora sim, tudo está perfeito, enfim a felicidade tão sonhada, certo?
Que nada!!!
Ai, felizes mesmo seremos quando construirmos uma família, um(a) esposo(a), filhos e a tão sonhada casa própria. Que bom, tudo perfeito agora, estabilidade financeira, uma família, filhos... Mas agora queremos ver nossos filhos estabilizados também. Estudos, faculdade e um bom emprego.
Creio que agora sim. Agora tudo está mais que perfeitos!!! Mas que netos pela casa seria uma boa, isso seria...rs
Pois bem, sempre que conquistamos a felicidade logo reprojetamos ela para o futuro novamente... ou seja adiamos ela!!!
Adiamos a nossa felicidade, deixamos passar o momento de ser feliz, o agora. E por isso, nem sempre agradecemos a Deus as maravilhas que nos são dadas. Não paramos para agradecer e as vezes sequer para aproveitar aquele momento.
Nos preocupamos demais com o futuro, com a busca incessante pela felicidade, quando na verdade ela está bem aqui nesse momento.
Chega a ser engraçado a forma como corremos atrás da felicidade perfeita, quando na verdade ela está bem atrás de nós, na nossa ultima conquista, realização, momento...

sábado, 25 de julho de 2009

Retorno


Olá... Já faz um tempinho que não apareço por aqui, espero que tenham sentindo saudades...rs

Pois é, como disse no último post, não sabia o que escrever, como escrever para ser mais clara... era tanta coisa acontecendo junto coisas pequenas, mas que me tomavam um tempinho considerável, mas que me fizeram caminhar.
Por exemplo:

-Sim, eu vou participar da banda que eu já havia dito aqui. Depois de muitas idéias trocadas e muito pensar... tomei essa decisão. Tive muito apoio de um casal que faz parte da banda e que me fizeram o convite, sei dos empecilhos a serem enfrentados mas isso não me preocupa. E já até comecei os ensaios, que por sinal tem sido ótimos, que não gosta muito é a vizinha do andar de cima (velha rabugenta) rss.

-Outra novidade é que passei por uma entrevista de emprego hoje em uma franquia dos correios e já começo a trabalhar na segunda!!! Liberdade financeiro novamente, UHUL!!!

-Tive um 'teste de auto controle'; pela primeira vez eu e meu ex nos encontramos desde que terminamos.Foi no aniversário de um amigo em comum. Confesso que no começo foi um tanto quanto constrangedor e estranho. Mas depois tudo ficou mais tranquilo... mesmo o coraçaozinho insistindo em bater mais forte eu consegui me sair bem e ocultar esse detalhe.

É, minha vida tomou vários rumos diferentes depois de algumas escolhas .
O importante é isso; Fazer escolhas, seguir rumos... é muito melhor do que ficar parado do mesmo lugar, vendo ventos passarem e esperando um milagre acontecer.
Não que eu não achasse isso, mas que é muito mais cômodo esperar de braços cruzados as coisa acontecerem (algo que não existe).
Arriscar é necessário, eu vivia falando isso para as pessoas, mas eu mesma não fazia.
Pois é, muitas coisas mudaram na minha vida e eu mudei muito.



(Dedico esse post em especial ao Tarcísio, Fernanda Lemos, Jocemar e a Rha Belloti - por me cobrar e incentivar a minha volta aqui. Obrigada, meus queridos)

Bjos
=)

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Cadê?

Não sei o que anda acontecendo comigo.
Não consigo escrever mais, não que eu não tenha o que contar, falar e etc.
Mas simplesmente as palavras não fluem como antes...
Poxa, gosto tanto de compartilhar minha vida com vocês e agora não sei como escrever, o que escrever. = (
Pensei em postar músicas que falam/descrevem dos momentos e situações que estou passando/vivendo, mas não sei se ficaria legal. Penso que ficaria algo tão sem 'meu toque especial', seria alguém falando, cantando, contando (sei lá o que) sobre minha vida?!!?!??! O.o
Espero que a mané de falta de inspiração passe e logo.


Beijos a todos
=**

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Trechos (6) - Quem em roubou de mim?

"O grande problema não está em sonhar alto. Isso é fácil. O dificíl está em continuar vivo quando o pedestal do sonho não suportar o nosso peso e dele cairmos."




Dedicação mais que especial ao anjos de minha vida: Conceição (mamãe), Roberto (papai), Juliana, Luciano e Erasmo (amigos).Porque se levantar é uma tarefa muitas vezes dificil demais sozinho.

sábado, 27 de junho de 2009

Trechos (5) - Quem me roubou de mim?

"A relação é duradoura à medida que o foco do desejo permanece. Os desejos até foram modificados, mas o foco permaneceu, e por isso a outro não quis ir embora."



(Dedico especialmente ao casal que me inspira; Juliana e Luciano , o verdadeiro amor)

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Trecho (4) - Quem me roubou de mim?



"A expectativa do que será muitas vezes é bem melhor que a realização do que esperávamos."



"Por insatisfação pessoal, projetamos no outro uma perfeição que gostaríamos de encontrar em nós mesmo."


"Amar é exercício de descobrir o que o outro tem de mais lindo e também de mais vergonhoso."




quinta-feira, 25 de junho de 2009

Trechos (3) - Quem me roubou de mim?


"É interessante , instigante, mas existem pessoas lindas que só conseguem ser objetos de prazer, nunca foco de desejo. As pessoas passam por elas, porém não permanacem. É a prova de que o prazer não é o suficiente para o outro querer ficar. O que nos faz apaixonar uns pelos outros é o desejo que somos capazes de despertar."





quarta-feira, 24 de junho de 2009

Trechos (2) - Quem me roubou de mim?


"O grande equívoco dos nosso dias é estabelecer as relações humanas a partir das substituições. Queremos que o outro seja a concretização humana de nossas idealizações. Hoje nos satisfa e amanhã não mais. Trocamos. Tentamos de novo. Voltamos a trocar. As paixões são avassaladoras, mas os desencantos também. E assim vamos colecionando relações e os seus consequêntes estragos".


(Dedico em especial para meu ex-namorado, Wagner)

terça-feira, 23 de junho de 2009

Trechos (1) - Quem me roubou de mim?


"Quando digo o que sou, de alguma forma eu o faço para também dizer o que não sou. O não ser está no avesso do ser."


"Sentir medo é um jeito estranho de atribuir autoridade a alguém."

(nota: sabem do nosso medo e o usam para nos 'dominar')

"O inimigos só podem sobreviver a medida que injetamos sangue em suas veias."


"Plantas precisam de podas para que não ultrapassem os limites estabelecidos."
(nota: assim também devem ser nossas relações)


"O rosto é o retrato da história vivida."


"Não querer errar é uma fragilidade terrível."
(nota: o fazemos constantemente)

Quem me roubou de mim?




Título: Quem me roubou de mim
Subtítulo:
O Sequestro da subjetividade e o desafio de ser pessoa
Autor:
Fábio de Melo
Editora:
Canção Nova

Resenha:
Quem me Roubou de Mim não é mais um livro de teoria da vida, mas é a vida de uma teoria. Ele não nasceu da aprendizado acadêmico. Nasceu dos olhos que um dia me olharam e pediram ajuda. Gente que precisava sair dos cativeiros dos afetos, das dependências viciosas, das autoridades arbitrárias e das violências veladas. Não essa gente não trazia correntes nos pés, nem nas mãos. As correntes estavam na alma, onde nossos olhos apressados não chegam, porque a dor mais profunda requer calma para ser encontrada.

Bom, o livro é fascinante e em certos momentos nos remete em nossas próprias histórias, em nosso próprio viver. Recomendo a leitura! E para dar mais vontade de ler, estarei deixando a partir de hoje, textos programados para serem postados diariamente. São trechos sublimes de um contexto inarrável. Espero que gostem e que comentem a respeito de cada trecho que aqui estará postado.

Bjos e

Boa leitura!

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Limite

Cansada...

...Demais


!!!

domingo, 21 de junho de 2009

Selos!

Recebo mais uma vez uma mimo, aliás, vários mimos do meu querido Jocemar do blog FREDERICO.COM
Obrigada querido!!!! Ameii!!! =)

Agora, as regrinhas:

1. Linkar quem te deu os selinhos.
2. Indicar 10 blogs que mostram uma grande atitude para ter uma forte valorização.

Os blogs indicados são:

Dialética Notálgica
Eloquência
Deva_Neios
Assistindo ao mundo

Essência
Pandora
Dê's
Mania de escrever
Firefiles
Os segredos de uma pequena adorável


Bye!!!





quinta-feira, 18 de junho de 2009

Falando sério



Falando sério
É bem melhor você parar com essas coisas
De olhar para mim com olhos de promessas
Depois sorrir como quem nada quer.

Você não sabe
Mas é que eu tenho cicatrizes que a vida fez
E tenho medo de fazer planos
De tentar e sofrer outra vez.

Falando sério
Eu não queria ter você por um programa
E apenas ser mais um na sua cama
Por uma noite apenas e nada mais.

Falando sério
Entre nós dois tinha que haver mais sentimento
Não quero seu amor por um momento
E ter a vida inteira para me arrepender



(Compositores: Mauricio Duboc - Carlos Colla / Interprete: Roberto Carlos)

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Choco Art


Hoje foi o dia de apresentação de trabalho no curso...
Um trabalho árduo posso garantir... rs
Sabe que durante o processo de pesquisa, montagem e etc, do trabalho tive a impressão que não iria dar tempo de concluir e muito menos que o trabalho em si daria certo.
Mas tenho sorte, e brinco que a nossa equipe é uma família.
Quando um desanima vem
outro e da um jeitinho no que parecia impossível; Quanto o tempo parece esgotar vem outro e multiplica-o; Quanto todos se desesperam e acham que não há nada para ser feito e que vamos nos 'ferrar'... a união prevalece.
Se um se der bem todos irão usufruir, mas se tudo der errado, juntos nos 'ferraremos'.
Graças a Deus mais uma vez tudo deu muitoooo certo!!!
A nossa apresentação foi um sucesso!!!

=)

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Um convite


Bom, ontem recebi um convite que me deixou muito feliz. Fui convidada a fazer parte integrante da Banda Divina Unção, a banda que toca na igreja São Francisco, um bairro perto da minha casa. Confesso que fiquei muito, muito feliz e honrada!!! Sempre quis participar de algo assim, mas nunca tive a oportunidade. Porém, há um probleminha; O meu ex-namorado, faz parte dessa banda. E por isso não sei se devo aceitar. Tem dois lados a se pensar:
  • É algo que eu quero muito.
  • Eu gosto de fazer.
  • Fui convidada por méritos próprios.
Mas também:
  • As pessoas poderam pensar que quero fazer parte apenas para ficar perto dele.
  • Ele pode pensar que ele é o motivo da minha particpação.
  • Não será nada fácil conviver com ele.
Eu quero muito aceitar e fazer parte e contribuir com a evolução da banda, mas sei que preciso preparar meu psicológico (porque vai ser uma experiência complicada)... rs.

Afinal não posso deixar de fazer algo que quero muito porque causa de uma pessoa que não vale a pena!

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Selo Violeta

Olá galerinha!!!
O Jocemar do blog FREDERICO.COM , me presenteou com esse Selo Violeta; e eu amei é claro...rs
Obrigada querido pelo presente!!!
Bom, mas também não é só mimo tenho um trabalhinho para cumprir que é o Seguinte:

Primeiramente quero dizer que este selo representa as sensações que a cor violeta traz para a nossa mente. Ele é oferecido àqueles blogs que tem alguma das sensações da cor violeta, tais como:
Magia
Encantamento
Graciosidade
Magnetismo e tudo aquilo que parece mágico.


(Regra: exibir o "Selo Violeta" no seu blog, juntamente com esta regra, e indicar os blogs que quer premiar)


E os blog's que eu indicados são:

Dialética Nostálgica

Deva_Neios

Assistindo o mundo

terça-feira, 2 de junho de 2009

'Se o mundo inteiro me pudesse ouvir...'


Levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima.

O caminho é esse eu até sei...
Mas chega uma hora que cansa.
Cansei de me decepcionar com pessoas que eu amava.
Cansei de me calar.
Cansei de sonhar e ver meu sonho se transformar em pesadelo.
Cansei de crer.
Cansei de lutar.
Cansei de perder.
Cansei de fingir que está tudo bem, quando na verdade, não está.
Guardar magoa só faz mal a nos mesmo, mas o que carrego dentro de mim é muita magoa.
Sinto que deveria ter dito tudo o sentia dentro de mim em determinados momentos, mas não o fiz, pelo contrário guardei todo um sentimento ruim dentro de mim. E agora parece que cada um deses sentimentos ruins, acumulados das rasteiras que a vida me passou estão se manifestando. Não consigo mais continuar com esse peso todo, mas também sei que é tarde demais para dizer certas verdades e expor essas magoas a cada um de seus causadores. O momento já passou.
Cansei de carregar tudo isso dentrp de mim, mas não sei como 'esvaziar a lixeira do meu coração'.
Cansei de ser magoada, machucada, enganada, humilhada.
Cansei de simplesmente levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima. E teoria não ajuda em nada.
É como se cada pessoa que me machucou tivesse tirado um pedacinho de mim tão profundamente que o tempo não está conseguindo cicatrizar.

=(

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Momento Merchandising

Olá pessoal, quero apresentar a vocês uma banda muito boa, e não estou dizendo isso só porque são meus amigos huahahua. Os caras fazem o maior sucesso por onde passam... E agora estão participando do quadro 'Garagem do Faustão'.
Eu como tiéti assumida da banda, estou divulgando o trabalho desses meninos que tem talento de sobra e pedir aquela forcinha na votação do vídeo deles no site.

Para votar: POPMIND no Garagem do faustão.

Quem se interessar em saber mais a respeito deles:

Site Oficial PopMind
Comunidade no orkut
Vídeo no YouTube

Bom, é isso, espero poder contar com os votos de vocês.
Obrigada desde já...

Bjos
=)

domingo, 31 de maio de 2009

Que culpa tenho?!



Hoje senti sua falta, como sempre sinto.

Senti saudades de mim, saudades de você,
saudades de nós, saudades da minha felicidade, do seu sorriso, do seu viver.
Hoje mais do que nunca senti sua falta.

Falta dos teus olhos, falta dos meus olhos nos seus.

Falta do seu olhar, falta da alegria no meu olhar.

Hoje senti que preciso de você, senti sua falta.

Falta de ouvir
"meu amor", falta de ser o seu amor.
Falta de ter com quem falar, falta de ter você comigo!
Sinto saudades, saudades de você.

Saudades do seu carinho...

Saudades da sua certeza...

Saudades do menino, do homem.

Saudades de você, meu amor...

Senti falta de ouvir que sou o seu amor...

Hoje senti sua falta, como sempre sinto...

Saudade de você (Meu Eterno Namorado).

(autor desconhecido)

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Feliz Aniversário (pra mim)

No dia do aniversário
A gente às vezes tem vontade
De se esconder den
tro de um armário
Mas aí vem um com um beijo

Outro realizando um desejo

E aquele que está sempre atrasado

Chega super animado

Estourando um champanhe

Mesmo que eu estranhe

E não entenda muito bem
Por que tantos parabéns

Fico feliz com os presentes

Aguento melhor os parentes

E não me pergunto na hora

O que há de mentirinha

Nessa anual história
Quem me dera tanto afeto

Duas vezes por semana

Pra derreter a couraça

Pra amenizar minha gana

Congelaria
se possível
Muitos pedaços do bolo

Pra durante o ano carente

Comê-los como consolo.

(Poema de Elisa Dias Batista)



Eu bem que tentei fingir que não era comigo, pensei até em "me esconder dentro do armário", passei o dia tentando fugir para Pasárgada, mas aí vem uma amiga e, em seu comentário, me dá os parabéns, outro amigo publica homenagem pela data. Então me fazem sentir que hoje é mesmo um dia especial.
Parabéns pra mim!!!
=D

quinta-feira, 14 de maio de 2009

Velho ditado

Como diz aquele velho ditado:
'Quem não tem cão, caça com gato.'

Seguindo essa mesma linha de raciocínio, pensei:
'Quem não tem dinheiro para comprar um presente, se vira como pode e presenteia um amigo.'
Pois bem, juntei objetos sem utilidade e criei um presente super o original e com a cara do aniversariante:


Material utilizado:
1lt. de nescau usada
1 filtro de café usado
papel colorido
1 saquinho de pão
1 lacinho
1 brinquedo 'kinder ovo'

e com um pouco de criatividade fiz um porta treco personalizado...


Agora é torcer para ele gostar!!!! rss

=)

terça-feira, 12 de maio de 2009

Regras de Pontuação

Regra de pontuação:


Vírgula (,) – pausa de pequena duração

Ponto (.) – pausa máxima da voz

Ponto de interrogação (?) – usado no final de qual interrogação, mesmo que na haja resposta

Ponto de exclamação (!) – sinal de um enunciado de entonação exclamativa.

Reticências (...) – usado para indicar que parte da frase foi omitida.


Pois bem, às vezes deixamos de usar esses pontinhos em nossas vidas.

Talvez uma vírgula (,) entre um ‘bom dia’ e o ‘tchau’, nos permitisse ver um sorriso no rosto da pessoa que nos responde.

Um ponto final (.) nos momentos tristes.

Uma interrogação (?) faz toda diferença, afinal, se usarmos elas antes de algumas de nossas ações, poderíamos evitar turbulências.

Exclamação (!) meu ponto favorito, costumo apelidá-lo de ‘ponto do sentimento’. Pois ele é a porta para expressarmos o sentimento contido naquilo que estamos falando.

Um ‘seja bem vindo’ acompanhado da exclamação (!) tem muito mais sentimento, felicidade.

E por fim, acho que não preciso dizer que o uso da pontuação em nosso dia a dia, nos Dara uma vida muito mais (reticências) ... Feliz!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!




domingo, 10 de maio de 2009

Simples Assim



‘Só um novo amor para esquecer um velho amor’.


Pois é, essa filosofia não funciona muito bem.

Não quero sair com outra pessoa, não porque eu ainda ‘amo’ meu ex-namorado, mas simplesmente porque não estou afim de estar com ninguém.

Não quero me apaixonar novamente, não quero um relacionamento, não quero nem beijos sem compromisso e olha que isso nunca foi um problema.(brincadeira)

Deixa-me explicar melhor...

... Eu tenho um ‘amigo’ que foi rotulado por minhas amigas de 'O cara', pelo fato de que ele sempre consegue me tirar da chamada ‘fossa’.

Eu admiro ele demais, temos várias afinidades e por isso elas dizem que eu não resisto a ele e vice-versa.

Mas o que elas chamam de 'impossível' aconteceu... (rs) Ele tem me ligado, me chamando para sair, jogar conversa fora e eu sempre invento uma desculpa e acabou recusando o convite do menino.

E devo estar com algum problema, pois eu jamais recusaria a companhia dele desde que eu não estivesse comprometida com alguém.

E ele é tão maravilhoso comigo. Tudo bem que ele vive me atazanando, de brincadeirinha é claro.

Estou em uma fase que me sinto bem comigo mesma, não quero estar com alguém que espere de mim mais do que um bom papo e minha amizade, apenas minha amizade!!!

Não quero me envolver, não quero correr o risco de me apaixonar.

Pois é, é ai que está: ‘Correr o risco de me apaixonar’... é fato que tenho medo sim, de sofrer tudo o que sofri e toda minha dor se transformou em uma armadura que estou usando para me proteger, Simples Assim!

Porém, não posso e não devo usá-la para sempre, pois o medo nos impede de viver.

Bom, pelo menos por enquanto vou deixar tudo como está, estou bem assim...

E quanto sentir que devo sair dessa armadura protetora, coragem arranjarei para fazer!!!

Nossa, eu precisava escrevir isso, estou até mais aliviada agora!! rs


=)

domingo, 3 de maio de 2009

E a vida?

Eu fico com a pureza das respostas das crianças
É a vida! É bonita e é bonita!
Viver e
não ter a vergonha de ser feliz,
Cantar, e cantar, e cantar,
A beleza de ser um eterno aprendiz.
Ah, meu Deus!Eu sei
Que a vida dev
ia ser bem melhor e será,
Mas isso não impede que eu repita:
É bonita, é bonita e é bonita!
E a vida? E a vida o que é, diga lá, meu irmão?
Ela é a batida de um coração?
Ela é uma doce ilusão?
Mas e a vida? Ela é maravilha ou é sofrimento?

Ela é alegria ou lamento?
O que é? O que é, meu irmão?

Há quem fale que a vida da gente é um nada no mundo,
É uma gota, é um tempo
Que nem dá um segundo,
Há quem fale que é um divino mistério profundo,
É o sopro do criador numa atitude repleta de amor.
Você diz que é luta e prazer,
Ele diz que a vida é viver,
Ela diz que melhor é morrer Pois amada não é, e o verbo é sofrer.
Eu só sei que confio na moça

E na moça eu ponho a força da fé,
Somos nós que fazemos a vida

Como der, ou puder, ou quiser,

Sempre desejada por mais que esteja errada,

Ninguém quer a morte, só saúde e sorte,

E a pergunta roda, e a cabeça agita.
Fico com a pureza das respostas das crianças:
É a vida! É bonita e é bonita!
É a vida! É bonita e é bonita!


(Gonzaguinha - O que é, o que é )

domingo, 26 de abril de 2009

Baile de Máscaras e Fantasias

Fui a uma festa á fantasia ontem e enquanto observava toda aquela gente fantasiada, rindo e se divertindo; fiquei imaginando as verdadeiras pessoas que existiam por detrás de toda aquela parafernália... Ou será que pela primeira vez eles estavam sendo aquilo que gostariam de ser, mas que perante a sociedade, não poderiam?!

Vi um renomado médico, fantasiado de hippie, uma senhora de meia idade vestida de líder de torcida... Talvez sejam as vontades, os verdadeiros ‘eus’ de cada um aparecendo em uma inocente festa á fantasia.

Alguns podem negar, mas que atire a primeira pedra quem nunca usou uma ‘máscara’ para esconder seu verdadeiro ‘eu’.

Usamos máscaras para a sociedade, para nossa família, para nossos amigos, e até para nós mesmo (principalmente para nós mesmos). É um eterno e infinito medo de mostrarmos quem realmente somo, e o que realmente queremos ser nessa vida. Medo de não ser aceito como se é de fato.

Engolimos o que gostaríamos de dizer pela sobrevivência. Calar perante a maioria é muito mais cômodo do que encarar a todos.

E é assim não passamos de um sopro.

E pra que calar-se e esconder-se, se é aqui tudo se começa e aqui tudo de acaba e aqui mesmo as máscaras se desfazem.

Pra que isso tudo, se a pessoa mais importante do mundo nos conhece bem como somos, conhece nossa alma, sabe dos nossos defeitos e qualidades e que apesar de todos os nossos erros nos continua nos amando e mais ainda nos acha perfeitos...

Sabem de quem eu estou falando?

Respondeu certo quem disse: DEUS

Pois é... Ele nos enxergar através de qualquer máscara ou fantasia e nos ACEITA do jeitinho que somos e para ele somos perfeitos e especialmente adorados.


Até a próxima!!!

=)

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Simplifique sua vida

Tudo o que é belo tende a ser simples. Afirmação generalizante? Não sei. O que sei é que a beleza anda de braços dados com a simplicidade. Basta observar a lógica silenciosa que prevalece nos jardins. Vida que se ocupa de ser só o que é. Não há conflito nas bromélias, não há angústia nas rosas, nem ansiedades nos jasmins. Cumprem o destino de florirem ao seu tempo e de se despedirem do viço quando é chegada a hora. São simples. Não querem outra coisa, senão a necessidade de cada instante. Não há desperdício de forças, não há dispersão de energias. Tudo concorre para a realização do instante. Acolhem a chuva que chega e dela extraem o essencial. Recebem o sol e o vento, e morrem ao seu tempo. Simplicidade é um conceito que nos remete ao estado mais puro da realidade. A semente é simples porque não se perde na tentativa de ser outra coisa. É o que é. Não desperdiça seu tempo querendo ser flor antes da hora. Cumpre o ritual de existir, compreendendo-se em cada etapa. Já dizia o poeta: "Simplicidade é querer uma coisa só". Eu concordo com ele. O muito querer nos deixa complexos demais. Queremos muito ao mesmo tempo, e então nos perdemos no emaranhado dos desejos. Há o risco de que não fiquemos com nada, de que percamos tudo. Aquele que muito quer corre o risco de nada ter, porque o empenho e o cuidado é que faz a realidade permanecer. O simples anda leve. Carrega menos bagagem quando viaja, e por isso reserva suas energias para apreciar a paisagem. O que viaja pesado corre o risco de gastar suas energias no transporte das malas. Fica preso, não pode andar pelo aeroporto, fica privado de atravessar a rua e se transforma num constante vigilante do que trouxe. A simplicidade é uma forma de leveza. Nas relações humanas ela faz a diferença. O que cultiva a simplicidade tem a facilidade de tornar leve o ambiente em que vive. Não cria confusão por pouca coisa; não coloca sua atenção no que é acidental, mas prende os olhos naquilo que verdadeiramente vale à pena. Pessoas simples são aquelas que se encantam com as coisas menores. Sabem sorrir diante de presentes simbólicos e sem muito valor material. A simplicidade lhe capacita para perceber que nem tudo precisa ter utilidade. E por isso é fácil presentear o simples. Dar presentes aos complicados é um desafio. Não sabemos o que eles gostam, porque só na simplicidade é possível conhecer alguém. Só depois que as máscaras caem pelo chão e que os papéis são abandonados a gente tem a possibilidade de descobrir o outro na sua verdade. Eu gostaria de me livrar de meus pesos. Queria ser mais leve, mais simples. Querer uma coisa só de cada vez. Abandonar os inúmeros projetos futuros que me cegam para a necessidade do momento. Projetos futuros valem à pena, desde que sejam simples, concretos e aplicáveis. Não gostaria que a morte me surpreendesse sem que eu tivesse alcançado a simplicidade. Até para morrer os simples têm mais facilidade. Sentem que chegou a hora, se entregam ao último suspiro e se vão. Tenho uma intuição de que quando eu simplificar a minha vida, a felicidade chegará em minha casa, quando eu menos esperar.

(Texto atribuido ao Padre Fábio de Melo)

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Eu te amo, não vulgarize essa frase

Tem gente que nasce com 'dom' de humorista, comediante, pois não tem outra explicação para um infeliz dizer que está amando alguém e que esse alguém ensinou o verdadeiro significado do amor.
Em primeiro lugar esse infeliz é meu ex-namorado.
Em segundo lugar na verdade ele não é humorista, é imaturo.
Não sei se fico com ódio da capacidade que ele tem de ser inconsequente ou da coitada da menina que está acreditando nele, porque eu sei o poder de persuasão que ele tem.
Eu fico indignada como o 'AMOR' está banalizado nos dias atuais, não digo isso apenas por ele, mas pelo que vejo por aí, pelas história que ouço, é de chorar de rir.
Como podem alguém amar alguém se conhece-lá, amar de um dia para o outro, amar qualquer coisa que se mova e seja do sexo oposto? Não consigo entender como isso é possível.
E tem gente pior ainda. Pessoas que usam o 'amor' simplesmente para obterem o que querem. Seja sexo, uma promoção na empresa, status e por aí vai.
Não é surpresa a extinção do verdadeiro e puro amor, pois com tanta vulgaridade e banalização desse sentimento, o que era para ser o maior laço de respeito e partilha em as pessoas se transformou em algo vazio.
'Eu te amo' não é 'oi', que você diz a qualquer pessoa que cruza seu caminho, 'eu te amo' é respeito, cumplicidade, lealdade, dedicação, entrega total de todo sentimento contido em nós.

"Sei que você gosta de brincar, de amores, mas ó, comigo não...Comigo não."
(Coleção - Paulo Zdanowsky / Cassiano)


Bjos.

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Escolha

Chega um certo ponto da vida onde temos fazer escolhas, escolhas que vão mudaram destinos para sempre e teremos as consequências dessas escolhas.
Continuar lamentando o que já passou ou amassar o passado como se fosse uma folha velha, rabiscada e sem utilidade alguma?
Lágrimas ou sorrisos?

Novos caminhos cheio de luz e vida ou a escuridão de um quarto?
Não ganhamos nada nos privando de um recomeço, da luz do dia, do amor de pessoas que realmente nos amam.
Então peguemos tudo o que nos faz mal, que nos remete a lembranças, recordações dolorosas e triste, agora é só jogar tudo no lixo. Esvazie o coração de toda tristeza e dor existentes ali, e ocupemos esse lugar com luz, flores perfumadas e sorrisos. Abra as portas para a vida e deixe que tudo o que há de bom entrar em sua vida.
Contemple o sorriso puro de uma criança.
Caminhe descalço na grama e sinta a brisa tocar seu rosto suavemente.
Sinta a noite, conte estrelas e veja o brilho que elas exalam para nós sem cobr
ar nada em troca.
Observe as flores, os pássaros e até mesmo as formigas... Agradeça! Pois tudo, foi criado para você.
Não temos o direito de nos privar de uma vida feliz... Mas não resume felicidade em relacionamento, em um emprego, em status. Felicidade é muito mais que isso. A verdadeira e única felicidade está nas pequenas coisas, está em um olhar sincero, um sorriso amoroso um abraço acomchegante...
Não deixe que ninguém e nada atrapalhe sua felicidade e se por algum motivo esbarrar com algo assim simplesmente ignore e sia adiante.
Valorize cada dia e viva como se fosse o último, só assim aproveitaremos o melhor desse mundão que foi feito especialmente para cada um de nós.
Lembre-se nunca é tarde demais para recomeçar, então, que tal hoje???



;)

domingo, 5 de abril de 2009

Compartilhando - Livro 'A Cabana'

Olá...
Bom, quero compartilhar com todos um livro muito, mas muito especial que acabei de ler e simplesmente não tenho palavras para descrever as maravilhas que ele trás. Mas posso dizer que fez grandes mudanças em minha vida, em meu coração e em tudo o que eu já absorvi até hoje.
O livro é classificado como ficção, mas, de coração torço para que seja muito mais que apenas ficção. Quero e talvez acretido que seja real, não só porque me fez um bem tremendo, mas para que a 'renovação' que tive possa acontecer com outras pessoas. Quero que esse livro se torne ao precioso que é passado de geração para geração.
Vocês não podem deixar de ler e garanto que vão gostar!

Abaixo algumas informações do livro:

Título: A Cabana
Editora: Sextante
Assunto: Religião
Autor: Willian P. Young

Resenha:
"Esta história deve ser lida como se fosse uma oração, a melhor forma de oração, cheia de ternura, amor, transparência e surpresas. Se você tiver que escolher apenas um livro de ficção para ler este ano, leia A cabana." - Michael W. Smith

Publicado nos Estados Unidos por uma editora pequena, A Cabana revelou-se um desses livros raros que, por meio do entusiasmo e da indicação dos leitores, se torna um fenômeno de público: já são quase dois milhões de exemplares vendidos.

Durante uma viagem em um fim de semana, a filha mais nova de Mack Allen Phillips é raptada e evidências de que ela foi brutalmente assassinada são encontradas em uma cabana abandonada.

Após quatro anos vivendo em uma tristeza profunda, causada pela culpa e pela saudade da menina, Mack recebe um estranho bilhete, aparentemente escrito por Deus, convidando-o para voltar à cabana onde aconteceu a tragédia.


Apesar de desconfiado, ele vai ao local do crime em uma tarde de inverno e adentra passo a passo no cenário de seu mais terrível pesadelo. Mas o que ele encontra lá muda o seu destino para sempre.

Em um mundo tão cruel e injusto, A Cabana levanta um questionamento atemporal: se Deus é tão poderoso, por que não faz nada para amenizar o nosso sofrimento?

As respostas que Mack encontra vão surpreender você e podem transformar a sua vida de forma tão profunda quanto transformou a dele. Você vai querer partilhar este livro com todas as pessoas que ama.




Para aumentar a vontade de ler esse no Best-Seller, alguns trechinhos escolhidos por mim:

'Tudo bem, querido, pode deixar que elas saiam... Sei que você foi magoado e que está com raiva e confuso. Entãová em frente e ponha para fora. É bom para a alma deixar que as águas rolem de vez em quando, as águas que curam.' (pág 73)

'Viver sem ser amado é como cortar as asas de um pássaro e tirar sua capacidade de voar. Não é algo que eu queira para você.' (pág 87)

'Você não pode produzir confiança, assim como não pode fazer humildade. Ela existe ou não. A confiança é fruto de um relacionamento em que você sabe que é amado. Como não sabe que eu o amo, não pode confiar em mim.' (pág 115)

'As mentiras são uma pequena fortaleza ode você pode se sentir seguro e poderoso. Dentro de sua pquena fortaleza de mentiras você tenta governar sua vida e manipular os outros. Mas a fortaleza precisa de muros, por isso você constrói alguns. Os muros são justificativas para suas mentiras. Você sabe, como se estivesse fazendo isso para proteger alguém que você ama ou para impedir que essa pessoa sinta dor. Qualquer coisa que funcione para que você se sinta bem com as mentiras.' (pág 175)

'cada relacionamento entre duas pessoas é absolutamente único. Por isso você não pode amar duas pessoas da mesma maneira. Simplesmente não é possível. Você amacada pessoa de modo diferente por ela ser quem ela é e pela especificidade do que ela recebe de você. E quanto mais vocês se conhecem, mais ricas são as cores desse relacionamento.' (pág 199)

Por fim, isso é apenas uma amostra do que podem encontrar no livro, você fará uma viajem para dentro de si e poderá encontrar muitas resposta que não tinha.
Boa leitura... (rs)

Bjos

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Fernando Pessoa


"Há um tempo em que é preciso
abandonar as roupas usadas
que já têm a forma do nosso corpo
e esquecer os nossos caminhos
que nos levam sempre aos mesmos lugares.
É o tempo da travessia...
E se não ousarmos fazê-la
teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos."


"Tenho em mim todos os sonhos do mundo."


"Matar o sonho é matarmo-nos. É mutilar a nossa alma. O sonho é o que temos de realmente nosso, de impenetravelmente e inexpugnavelmente nosso."


"Alguns têm na vida um grande sonho e faltam a esse sonho. Outros não têm na vida nenhum sonho, e faltam a esse também."


(Fernando Pessoa)